26 de dez de 2010

Boas Festas e Feliz 2011!

Não vou me prolongar muito. Esse post é basicamente para desejar boas festas a todos os leitores do blogue e também a todos, de um modo geral. Que 2011 seja bom para todos nós.

A respeito de 2010, admito que foi um bom ano e que vivenciei coisas das quais gostei muito, que me fizeram crescer como pessoa. E também li bons novos livros e vi bons novos filmes; aproveito e cito, por exemplo, as obras, respectivamente literária e cinematográfica, O Retrato de Dorian Gray e Infâmia, que não são necessariamente novos - o primeiro data de 1890 e o segundo de 1961 - mas foram novos e importantes para mim. Aproveito também para citar algumas pessoas que foram importantes, ainda que esse blogue não tenha exatamente a finalidade de expor minha vida pessoal: agradeço a Jacqueline, que me apresentou filmes e livres interessantes, tendo inclusive me presenteado com um livro muito válido enquanto eu a presentei com uma afronta à literatura; agradeço também ao Marcelo, sempre presente, sempre comentando e sugerindo, sempre uma boa companhia no msn; agredeço à Nathália, com quem reaprenderei a analisar filmes no próximo ano e com quem farei longas maratonas temáticas; ao Pedro, que me passa filmes interessantes, mas nunca assisti aos que eu recomendo (e ainda teve a ousadia de sair sem concluir o maravilhoso As Pontes de Madison) e ainda me deve a mim e à Bette Davis uma promessa (a qual cobrarei 58 vezes); agradeço também ao Renan, que me morou comigo esse ano, me aguentou (e tive que aguentá-lo também), me ouviu reclamando, me viu bêbado melancólico. Enfim, um grande abraço a todos vocês.

Retomo as atividades do blogue Literatura e Cinema no ano de 2011.

E mais uma vez: boas festas!

Luís

Não vou me furtar o direito de terminar essa breve despedida sem uma citação. Como Saramago morreu esse ano, faço a ele minha homenagem:

"[...] porque três é número poético, mágico e de Igreja". - Levantado do Chão, p. 12.

2 opiniões:

Marcelo A. disse...

Man, cadê você? Dia desses perguntei por você ao Renan, depois fiz o mesmo com o Darlan. Pelamordedeus, manzito, não suma!

Feliz Natal, querido, e que em 2011 possamos continuar com a nossa rotina Msn - filmes - livros...

Saudades de você.

Um beijo!

Anônimo disse...

Luís, eu estou muito emocionada rs. Agradeço essa linda homenagem e te agradeço por cada livro lindo e filme lindo aos quais você me apresentou ano passado e já aproveito pra agradecer pelos que virão esse ano. Agradeço pelo lindo Dorian, não sei como vivi sem ele por mais de dezenove anos, pelas pontes lindas que eu amo tanto e agradeço até por aquela estrovenga do travesseiro, afinal presente é presente, mesmo que seja milk shake de porra. Eu adoro todas as nossas conversas, incertezas, descobertas e surtos, você foi um dos melhores achados em 2010, até mesmo melhor do que qualquer obra que eu tenha conhecido. Você fez de cada momento mais especial, foram tantas mudanças e apesar de ser tudo meio assustador esse ano com todas as mudanças, tenha a certeza de que se não fosse você, o meu primeiro ano de faculdade não ia ser nem um cinquenta e oito avos do que ele foi. inesquecível. e que esse ano seja tudo isso e muito mais. beijos!